top of page

‘Lunáticos’: empresário que atirou contra casal na Castello Branco diz que dupla colocou sua família em risco

Após ser filmado atirando contra os passageiros de um carro na rodovia Castello Branco, no interior de São Paulo, o empresário Adriano Domingues da Costa afirmou, em entrevista à Agência Record, que o casal era “lunático” e que eles “haviam colocado a vida de sua família em risco”.

Costa teve a prisão temporária determinada pela Justiça e está foragido desde sábado (15). A polícia foi até a casa do atirador e apreendeu seu passaporte.

À RECORD ele disse ainda que foi perseguido por 25 minutos pela dupla.

A advogada das vítimas, Nayara Souza, contudo, afirma que não houve uma perseguição e que o vídeo foi gravado logo após a colisão dos veículos. Ela fala que o casal baixou o vidro e pediu que o empresário parasse o carro.

Nayara diz ter informações de que o procurado se entregaria à polícia nesta segunda-feira (17).

O advogado de Costa, Luiz Carlos Tucho de Souza, afirma que o cliente “está sendo perseguido” e que ele se sentiu pressionado a reagir porque estava com os pais e a filha no carro.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública, o carro usado por Costa no momento da briga foi apreendido em um hotel na cidade de Piraju (333 km da capital).

A Polícia Civil investiga o caso como tentativa de homicídio.

5 visualizações0 comentário

コメント

5つ星のうち0と評価されています。
まだ評価がありません

評価を追加
bottom of page